Reino Unido Investe na Digitalização de Colecções Científicas

Em gavetas e armários de instituições por todo o mundo, uma riqueza de espécimes está guardada, contendo segredos sobre a formação do nosso planeta e a evolução da vida. No entanto, essas colecções Científicas- que incluem rochas, fósseis, plantas e insectos – só podem revelar seus insights se estiverem acessíveis aos pesquisadores.

Recentemente, o governo do Reino Unido anunciou um investimento significativo para tornar isso possível. O Museu de História Natural de Londres receberá 155 milhões de Euros ao longo de 10 anos para digitalizar a maioria das colecções de história natural do país. Este financiamento promete acelerar os esforços de digitalização em grande escala na Europa e fortalecer colaborações internacionais.

A digitalização dessas colecções não apenas facilitará o acesso dos pesquisadores aos dados, mas também abrirá portas para novas descobertas e aplicações científicas. Os detalhes dos espécimes, como localização e data de colecta, serão registrados digitalmente, juntamente com imagens detalhadas. Além disso, os avanços em inteligência artificial possibilitarão a criação de “espécimes digitais expandidos”, ligando os espécimes a informações ambientais e ecos sistémicas.

Esses esforços já estão a gerar impacto. Por exemplo, a combinação de dados de mosquitos digitalizados com informações ambientais permitiu prever a presença desses insectos em novas regiões. A tecnologia avançou a ponto de tornar a digitalização de milhões de espécimes mais rápida e acessível do que nunca.

No entanto, enquanto o Reino Unido e a Europa estão avançando com iniciativas de digitalização, os Estados Unidos enfrentam a possibilidade de ficar para trás devido à falta de financiamento substancial. Enquanto os esforços anteriores nos EUA foram pioneiros, a falta de compromisso financeiro futuro pode prejudicar o potencial das colecções de história natural.

Portanto, enquanto o Reino Unido e a Europa estão acelerando seus esforços, é crucial que os Estados Unidos também reforcem seu compromisso com a digitalização das colecções de história natural. Somente assim poderemos aproveitar plenamente o conhecimento que essas colecções preciosas têm a oferecer para compreender nosso planeta e sua história.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_imgspot_img
spot_img

Hot Topics

Related Articles

Ir para a barra de ferramentas