“Elon Musk planeja comprar a Disney: Rumor ou Realidade?

O magnata Elon Musk indicou um possível interesse em adquirir a Disney durante a estreia do filme “Lola”, co-dirigido pela atriz americana Nicola Peltz. No tapete vermelho, o proprietário da Tesla mencionou estar “pensando em quais empresas adquirir”.

Elon Musk estava presente no evento ao lado do investidor Nelson Peltz, que está em conflito com o CEO da Disney, Bob Iger, também um adversário de Musk.

Ao ser questionado sobre sua presença, Elon Musk respondeu: “Estou aqui apenas com amigos… pensando em quais empresas adquirir”.

Segundo Nelson Peltz, a gestão da Disney está a prejudicar a empresa, e ele busca fazer mudanças significativas no conselho através da campanha “Restore the magic”, em uma tentativa de substituir o actual CEO.

A rivalidade entre Iger e Musk teve início quando a Walt Disney Company retirou os anúncios do X após declarações antissemitas do bilionário. Em dezembro, a discordância entre os executivos se intensificou quando Musk sugeriu em uma publicação que Iger “deveria ser demitido imediatamente”.

No entanto, a resposta de Elon Musk pode ser interpretada apenas como uma piada, dadas as circunstâncias do momento. É possível que o CEO da Tesla tenha aproveitado a ocasião para ironizar a rivalidade com Iger.

Portanto, a verdadeira intenção de Musk em relação à Disney permanece incerta. O facto é que o bilionário já está à frente de várias empresas, incluindo SpaceX, Tesla, X (anteriormente Twitter) e Neuralink.

Apesar da provocação de Musk, a Disney não emitiu comentários sobre a possível aquisição. A especulação em torno dessa declaração acrescenta mais um capítulo à saga de rivalidade entre os dois magnatas e mantém os observadores do mundo dos negócios atentos às movimentações futuras.

Enquanto isso, analistas financeiros estão divididos quanto à viabilidade e consequências de uma potencial aquisição da Disney por parte de Musk. Alguns argumentam que a diversificação do portfólio de Musk poderia impulsionar ainda mais seu império empresarial, enquanto outros questionam os desafios e impactos de integrar uma empresa tão icônica e complexa como a Disney ao conglomerado de Musk. Essa especulação certamente continuará a gerar debates e interesse nos círculos empresariais e de investimento.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_imgspot_img
spot_img

Hot Topics

Related Articles

Ir para a barra de ferramentas