Início Artigos Prémio Nobel em Física 2022

Prémio Nobel em Física 2022

76
0

No dia 4 de outubro de 2022, foram anunciados os vencedores do Prêmio Nobel de Física, concedido pela Academia Real das Ciências da Suécia. Alain Aspect, John F. Clauser e Anton Zeilinger dividiram igualmente o prêmio pela condução de experimentos inovadores envolvendo estados quânticos emaranhados [1].

O emaranhamento quântico diz, basicamente, que duas partículas podem se comportar como uma unidade, mesmo quando estão separadas por uma longa distância. Por exemplo, para dois elétrons que estão emaranhados, se sabemos as propriedades físicas de um, automaticamente saberemos as do outro [1,2]. Esse fato, no qual a informação aparenta viajar mais rápido que a luz, levou os cientistas a pensarem que a teoria quântica estava incompleta, de modo que foi proposto que a correlação existente entre partículas emaranhadas continha variáveis escondidas [2,3]. Em 1960, John Bell desenvolveu uma desigualdade matemática, chamada de desigualdade de Bell, na qual afirma que, se de fato existirem variáveis escondidas, uma certa quantidade física nunca vai exceder certo valor [1,3].

John Clauser desenvolveu um experimento prático, a partir das ideias de Bell, cujos resultados violaram a desigualdade de Bell, determinando que a mecânica quântica não pode ser substituída por uma teoria de variáveis escondidas [1]. A contribuição de Alain Aspect foi de modificar a configuração do experimento após o par de partículas emaranhadas ter deixado a fonte, para que a configuração no momento em que ele foi emitido não interferisse nos resultados [1]. Anton Zeilinger, com seu grupo de pesquisa, demonstrou o fenômeno do teletransporte quântico, o qual possibilita mover um estado quântico de uma partícula para outra à distância [1].

O presidente do Comitê do Nobel em Física, Anders Irbäck, declarou:

“tornou-se cada vez mais claro que um novo tipo de tecnologia quântica está surgindo. Podemos ver que o trabalho dos laureados com estados emaranhados é de grande importância, mesmo além das questões fundamentais sobre a interpretação da mecânica quântica” [1].

Escrito por: Cristhian Gean Batista Guimarães.

Referências

[1] Press release: The Nobel Prize in Physics 2022. The Nobel Prize, 2022. Disponível em: . Acesso em: 10 de out. de 2022.

[2] LOSS, P. O Entrelaçamento Quântico Explicado. Youtube: 20 dez. 2018. Disponível em: . Acesso em: 10 de out. de 2022.

[3] ROSSI, R. A desigualdade de Bell – O que é a desigualdade de Bell?. Youtube: 25 ago. 2022. Disponível em: . Acesso em: 10 de out. de 2022.