Início Saúde e Bem Estar Composto de laranja ajuda a combater diabetes

Composto de laranja ajuda a combater diabetes

60
0

Estudo realizado pela Universidade de São Paulo (Brasil) sugere que compostos bioatos existentes na laranja ajudam a modular a taxa de açúcar no sangue, o que pode transformar a fruta em um aliado no combate ao diabetes.

Participaram 12 voluntários saudáveis, de ambos os sexos, que após uma noite em jejum ingeriram uma refeição rica em gordura e carboidratos, com 1.037 kcal. Eles foram divididos em três grupos: um que bebeu apenas água durante a refeição, outro que tomou sumo de laranja e um terceiro que recebeu uma bebida à base de glicose com teor de carboidratos equivalente ao do sumo de laranja.

O nível de glicose no sangue dos voluntários foi analisado uma, três e cinco horas após o término do desjejum. Logo na primeira medição, como esperado, os três grupos apresentaram um aumento da glicemia. Curiosamente, os valores de glicemia (taxa de glicose no sangue) e insulinemia (taxa de insulina no sangue) do grupo que tomou sumo de laranja não diferiram significativamente daqueles observados no grupo da água em todas as avaliações.

“Se a ingestão de sumo de laranja não difere da ingestão de água, podemos concluir que os carboidratos do sumo não promoveram aumento significativo da glicemia em nosso modelo experimental, diferentemente do que ocorreu com a bebida à base de glicose”, explica Bruna Jardim Quintanilha, doutoranda em nutrição pela Faculdade de Saúde Pública (FSP-USP) e primeira autora do artigo.

Segundo Quintanilha, tal resultado sugere que outros componentes presentes no suco, como fibras e compostos bioativos, podem ter contribuído para conter a elevação da taxa glicêmica.

O passo seguinte foi investigar de que forma o sumo de laranja teria ajudado a conter o aumento da glicemia. Para isso, os cientistas coletaram amostras de sangue dos voluntários e analisaram a expressão dos chamados microRNAs, um tipo de RNA que tem a função de regular a expressão dos genes por meio de interações com o RNA mensageiro.

Os resultados indicam, portanto, que o sumo de laranja pode ter uma acção benéfica sobre a produção de insulina e, por tabela, sobre a modulação da glicemia.

Fonte: Agência FAPESP

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui