Início Ensino Superior França Van-Dunen- o Professor emérito da UCAN

França Van-Dunen- o Professor emérito da UCAN

210
0

A Universidade Católica de Angola (UCAN) realizou no dia 26 de Novembro, uma “Sessão Solene de Outorga do Título de Professor Emérito” ao Professor Doutor Fernando José de França Dias Van-Dúnem, em reconhecimento do seu trabalho e dedicação no desenvolvimento dessa instituição de ensino superior e na formação de quadros, angolanos e estrangeiros, que nela estudaram.

A homenagem, teve como base, um despacho assinado no passado dia 8 de novembro pela reitora interina da UCAN, Professora Doutora Maria Helena Pedro.




O acto de Homenagem, contou com a presença da Provedora de Justiça, Florbela Araújo, membros do governo, deputados, juízes, entidades religiosas, docentes, estudantes e familiares.

Na ocasião, a reitora interina Maria Helena Miguel disse que a trajectória e experiência académica de França Van-Dúnem, são merecedoras da distinção de alto nível , facto que honra não apenas a figura do agora professor emérito, mas prestigia, igualmente, a sua carreira e a universidade onde foi professor durante muitos anos.

Na ocasião, foram lidas várias mensagens de homenagem com destaque para a Associação dos Estudantes da UCAN e do presidente da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST), Dom Manuel Imbamba, que por via online, enfatizou, que o homenageado será sempre lembrado pelos feitos na resolução dos problemas políticos em África, em Angola e em especial na academia.




França Van-Dúnem é Professor Titular da Faculdade de Direito da UCAN, onde, ao longo de duas décadas, lecionou disciplinas tais como Direito Internacional Público, Direito Romano e História das Ideias Políticas e Jurídicas. O seu envolvimento com a Universidade Católica remonta dos anos 90, altura da criação desta Instituição.

Enquanto docente da UCAN, o Professor Doutor França Van-Dúnem é o mais antigo de todos, tendo-lhe sido justamente atribuído o título de “Decano dos Professores”. Enquanto docente, o seu rigor, empenho e elevando sentido de disciplina e responsabilidade é, aqui, testemunhado por várias gerações de ex-estudantes da Faculdade de Direito da UCAN, conforme se segue abaixo.


«Professor Doutor França Van-Dúnem, muito obrigado pela vossa luz. Foi uma grande honra ter sido vossa aluna em Direito Romano, História das Ideias Políticas e Direito Internacional Público. Que todos os grandes pensadores e iluministas possam estar sempre presentes iluminando o vosso caminho.» EUFRAZINA TEODORO PAIVA [Docente universitária e ex-Deputada. Estudante n.º 21 do primeiro curso de Direito da UCAN]

«Mestre para sempre. Eis os aspectos que mais me marcaram enquanto estudante do Doutor França Van-Dúnem:

1. Apesar de mais velho, foi o docente mais pontual que tive em toda a minha licenciatura na Faculdade de Direito da UCAN. Nunca se atrasou e, mesmo quando viajasse, saia do aeroporto directamente para as aulas;

2. É primeiro professor que, regra geral, terminava o seu programa curricular, quer em Direito Internacional Público, quer em História das Ideias Políticas e Jurídicas;

3. Nunca ministrou a suas aulas com pressa. Um tema era repetido durante toda a semana. Certificava-se que os estudantes captassem o essencial. Não gostava de termos complexos e, quando os proferia, descodificava-os;




4. Acompanhava os seus professores assistentes, corrigindo-os, fiscalizando-os e orientando-os em como deviam ministrar as aulas;

5. Não complicava as provas. Avaliava o que ensinava;

O Dr. França é um exemplo de professor, de pai, de orientador. Tenho muito orgulhoso por ter sido seu estudante.»
ALDEMIRO GONÇALVES [Docente da UCAN e Assessor da Presidente do Conselho de Administração da Comissão do Mercado de Capitais. Ano académico 2011 e 2012]

«Professor Doutor França Van-Dúnem: Excelência vertida na competência académica e elevado sentido de relações humanas.» CARLOS CALONGO [Professor/Jornalista. Ano académico 2017]




«O Professor Doutor França Van-Dúnem foi o melhor professor que tive durante o meu percurso académico. Ele – para além de lecionar História das Ideias Políticas e Jurídicas e Direito Internacional Público – nos ensinou o que é e como é a vida. Sou grato e sinto-me lisonjeado por ter tido a oportunidade de ser vosso aluno. De certeza direi com orgulho que fui ensinado pelo grande Professor França Van-Dúnem.» ALDEMIRO CONCEIÇÃO.

«Falar do Professor Doutor França Van-Dúnem é muito mais do que falar apenas em metodologias. É, também, falar de esperanças, emoções e expectativas muito grandes». PAULINA KISSOLA

«O Professor França Van-Dúnem é daqueles docentes que nos ensinou, nas suas aulas, lições carregadas de ciência, valor e conhecimento, desmistificando padrões e orientando-nos para uma vida exemplar ao serviço da Nação.» UPALE MÔNICA [Jornalista]

«“Estás a desperdiçar um futuro que pode ser brilhante.” Decorria o ano lectivo de 2005, já tinha sido aluno do Professor França Van-Dúnem no ano anterior, na disciplina de História das Ideias Políticas e Jurídicas. Entretanto, a descoberta dos encantos da vida nocturna luandense fez com que o meu desempenho escolar baixasse significativamente, tendo saído de 15 valores na primeira frequência e 14 valores na segunda frequência para uma valente manilha (7 valores) no exame. Em vez de dispensar a disciplina fui a exame oral. A prova oral correu muito melhor que a escrita, como era de esperar, o que deixou o Professor França visivelmente perplexo. Trocou breves e sussurradas palavras com o seu Assistente, o Professor Amílcar Quinta, e, de seguida, deu-me um tremendo raspanete, uma valente e paternal reprimenda que me pôs a pensar as férias todas. Voltei no ano seguinte, para fazer o 3.º ano, e não me recordo de, desde então, não ter saído no Quadro de Honra nem sido escolhido para as cerimónias de premiação aos melhores alunos. Foi aquela “conversa” que o Professor França Van-Dúnem teve comigo que mudou a intensidade da minha dedicação aos estudos. Obrigado, Professor Doutor Fernando José de França Dias Van-Dúnem. MÁRCIO DANIEL [Docente universitário e Secretário de Estado. Ano académico 2003 e 2004.]

«O Professor França Van-Dúnem é uma verdadeira biblioteca viva. Felizes somos nós que o tivemos como mestre. Toda homenagem feita a essa distinta figura é bem merecida. Bem-haja UCAN pelo nobre gesto!» PAULO MANUEL



«Orgulhoso pelo facto de ter passado pelas mãos deste grande mestre!» YUNAIDE BANGA

«O professor que com o mesmo discutimos ideias políticas em língua francesa. Muito orgulho.» JOSÉ GRILO COSTA. [Jurista no Ministério das Finanças. Ano académico 2012 e 2013]

«O nosso mestre amava tanto a academia que, mesmo depois das suas longas viagens de trabalho, não ia para casa; saia do Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro para a UCAN. Ele dizia que tinha compromisso com a UCAN e que não devia faltar. O aspecto que mais marcou no mestre foi quando ele, ao meio do ano lectivo, notou que grande parte da turma não havia assimilado as matérias de DIP. Então ele decidiu “recuar” e recomeçar as aulas desde a primeira lição, agora num ritmo mais demorado.» MOREIRA LOPES [Docente universitário. Ano académico 2003 e 2004]

«Com o professor França, não tínhamos apenas aulas. Nó tivemos a honra e o prazer de ouvir testemunhos directos de alguém que participou dos acontecimentos narrados em sala de aula.» EVA BAIO [Docente universitária]

«Um jurista e professor de competência, autodisciplina e rigores inquestionáveis; com dedicação à academia e aos seus alunos, que orgulha e motiva qualquer jovem docente. Para sempre, uma das maiores referências nacionais do comprometimento com o mundo universitário.» LEANDRO FERREIRA [Advogado, Consultor e Docente universitário. Ano académico 2003 e 2004]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui