Início Sociedade Angola já vacinou 36% da População elegível

Angola já vacinou 36% da População elegível

37
0

Angola já vacinou até ao momento 36% da população elegível. A informação foi avançada nesta Terça-Feira, pela Directora Nacional de Saúde Pública, Helga Freitas em entrevista à Rádio Nacional de Angola. Segundo Helga Freitas, nesta altura, o país conta com uma cobertura de 36 por cento de cobertura com a primeira dose e 14 com a segunda dose, “o que é bastante animador”.
“Logo que consigamos alcançar 90 por cento da população ilegível passaremos para uma outra estratégia que é manter a vacinação a nível das unidades sanitárias com o objectivo de reduzir custos ao Estado”, avançou a directora Nacional de Saúde Pública.
Segundo a directora Nacional de Saúde Pública, Helga Freitas, a partir de 16 Novembro até Janeiro de 2020 estão asseguradas vacinas para a toda população elegível e, que, os idosos e profissionais com alta exposição no país começam a receber a terceira dose da vacina contra a Covid-19, em Janeiro de 2022, bem como a inclusão das crianças na vacinação a partir dos 12 anos.
Durante as últimas s 24 horas, Angola registou mais 13 casos novos e 218 recuperados e dois óbitos associados à Covid-19.
Segundo o boletim da Direcção Nacional de Saúde Pública, as duas mortes foram notificadas em Luanda, sendo um do sexo masculino (37 anos de idade) e outro do feminino (64), ao passo que entre os novos infectados sete são da capital do país, três de Malanje, dois de Cabinda e um de Benguela.
Quanto aos recuperados, 128 registaram-se em Benguela, 78 em Cabinda, 7 em Malanje, 4 na Huíla e um no Uíge, num dia em que foram processadas 1813 amostras por RT-PCR com uma taxa diária de positividade de 0,7% e cumulativo de 1.156.132 (5.6%).
O quadro epidemiológico da pandemia em Angola aponta para 64 940 casos confirmados, 62 565 recuperados, 646 activos, dos quais quatro em estado crítico, cinco graves, 14 moderados, 16 leves e 607 assintomáticos, além de 1 729 óbitos. Sob vigilância estão 96 contactos, 83 em quarentena institucional e 39 doentes internados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui