Início Saúde e Bem Estar ANASO REALIZA A SEMANA NACIONAL DA ZERO DISCRIMINAÇÃO

ANASO REALIZA A SEMANA NACIONAL DA ZERO DISCRIMINAÇÃO

77
0

Todos os anos a 1 de Março, comemora-se o Dia Internacional da Zero Discriminação.

Primera Dama Da República de Angola e o Presidente da ANASO
Primera Dama Da República de Angola e o Presidente da ANASO

O Dia Internacional da Zero Discriminação não se limita só as doenças como o VIH e SIDA ou a Covid 19, mas visa destacar questões mais amplas relacionadas com a discriminação.

Este ano o lema é ” Acabar com a desigualdade”, onde se destaca a necessidade urgente de se agir para acabar com as desigualdades em relação ao género, orientação sexual, raça, idade, sexo, religião, condição da doença, etc.

Os especialistas entendem que a desigualdade está a crescer nas diferentes sociedades, e está a prejudicar o desenvolvimento económico e social dos Estados.
Por isso a ANASO, Rede Angolana das Organizações de Serviços de SIDA e os seus parceiros estão a aproveitar a data para realizar a Semana Nacional Zero Discriminação que vai decorrer de 1 a 7 de Março, com o objectivo de romper as barreiras do medo e combater a discriminação e que contará com a realização de varias actividades de sensibilização sobre discriminação, um mal que impede as pessoas de viver uma vida plena e acções de advocacia para exigir que o Governo cumpra os compromissos assumidos em relação a redução das praticas relacionadas com a discriminação e evitar a criação de leis que negam os direitos humanos e liberdades fundamentais.

A Campanha Nacional Zero Discriminação conta com o alto patrocínio do Governo de Angola e apoio das Agências das Nações Unidas.

A ANASO, vai aproveitar a Campanha Zero Discriminação, para lançar uma Pesquisa sobre Índice de Estigma e Discriminação que visa compreender melhor o impacto do estigma e da discriminação na vida das Pessoas Vivendo com o VIH e SIDA em Angola.

A Pesquisa vai decorrer de Março a Agosto do corrente ano, será liderada por Pessoas Vivendo com o VIH e SIDA, vai ter uma amostra de mais de 3500 pessoas nesta condição, será realizada em 4 provínciais do país, Luanda, Benguela, Cunene e Lunda Sul e conta com o financiamento do PEPFAR e apoio técnico da ONUSIDA Angola.

Finalmente, A ANASO, convida toda a Sociedade a participar da Campanha e a dizer não ao estigma e a discriminação.

Juntos por uma Angola mais inclusiva e participativa,.

Luanda, Fevereiro de 2021.
António Coelho.
Presidente da ANASO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui